REFLEXÃO [O PAI NÃO ABANDONA NINGUÉM]

“O Pai que está nos céus não o abandona.

Ele o contempla. Você é pensamento divino feito realidade humana. Não veio à vida por acaso, mas por amorosa vontade do Criador.

Pense nisso cada vez que estiver em dificuldade, cada vez que lhe assaltar a tentação do desânimo.

Deus o ama tanto, que o trouxe à vida para ser um dos seus filhos e para poder se gloriar em você.

Pense, diga e repita muitas vezes: ‘O Senhor é meu pastor. Nada me faltará.'”

REFLEXÃO [O PODER DA MENTE]

“Respeite a força da sua mente.

Você sabe o poder que tem o seu espírito. É aquela energia cósmica que, sendo partícula do infinito, dá-lhe tremenda força para atrair o bem e produzí-lo em si.

Pense sempre o que de melhor você puder pensar. Atraia sobre si a saúde, pensando que tem saúde. Provoque alegria, pensando muito em coisas alegres. Aumente o bem que está dentro de você, conscientizando-se de que você foi feito para possuí-lo.

Repita sempre: ‘Deus me envolve constantemente com a sua Luz protetora'”.

texto: J.S. Nobre

REFLEXÃO [AMAR O PRÓXIMO]

‘Aquele que não ama, não conhece a Deus, porque Deus é caridade.’

“Quando você vir uma pessoa, seja ela qual for, lembre-se de que Deus habita e faz dela seu templo.

Ora, isso quer dizer que você, diante de qualquer semelhante, tem de proceder como se estivesse perto de Deus, de quem qualquer ser humano é ‘imagem e semelhança’.

Se você não conseguir amar o próximo que vê, como será possível amar a Deus, que você não vê?”

texto: J.S. Nobre

REFLEXÃO [BONDADE: UM DESAFIO]

“Saiba ser bom indistintamente. Não há vantagem, nem mérito alguma quando você pratica a bondade com pessoas que lhe são simpáticas ou mesmo com aquelas que lhe parecem naturalmente boas.

Realmente importante é que você procure ser bom junto àqueles que o recebem mal e tentam colocar dificuldades no caminho da sua bondade.

É um desafio que você mesmo deve se propor a vencer, porque, esse sim, lhe trará a melhor recompensa interior: a da verdadeira caridade cristã.”

texto: J.S. Nobre

REFLEXÃO [FAÇA O BEM A VOCÊ MESMO]

“É curta demais a vida terrena para você se dar ao luxo de perder um minuto sequer em intrigas, maledicencias e malquerencias.
Quanto lucraria se evitasse, no dia-a-dia, esse veneno que aos poucos vai destruindo a sua felicidade…
Enquanto você pensa, fala e faz o que é mau, antes de prejudicar à sua vítima, está envenenando a si mesmo na digestão desse amargor que lhe fica no coração.
O mal que desejamos aos outros, permanece dentro de nós em forma de perigoso retorno.”

texto: J.S. Nobre