“Você pode contar muitos anos de vida e ser jovem.

Muitos se impressionam com a sua idade cronológica. Entristecem-se a cada dia do seu aniversario natalício, somando cada ano como se ele fosse o grande inimigo da sua felicidade.

Idade cronológica não é mais importante do que essa juventude espiritual que você pode mostrar a todos os que contemplam o seu sorriso e bondade ou sentem as irradiações da sua vida interior.

Pense sempre que a arte de viver é morrer jovem, o mais tarde que puder!”

texto: J.S. Nobre