vivitblog-post129-in-da-house-o-apartamento-decarrie-bradshaw-capa

E as comemorações dos 18 anos da estreia de Sex and the City se encerram no post de hoje com uma visita ao apartamento de Carrie Bradshaw: a mulher, o mito, a musa-mor!

O apartamento de Carrie é como sua vida: uma bagunça organizada (se é que isso existe!). E como uma boa arquiteta, começo analisando a planta.

vivitblog-post129-in-da-house-o-apartamento-de-carrie-bradshaw-planta

Achei linda essa ilustração do designer de interiores Iñaki Aliste Lizarralde, que tem um tumblr de plantas de apartamentos e casas famosas em series, filmes e programas de TV. Um verdadeiro artista, pra fazer um desenho tão rico em detalhes e proporções perfeitas, baseados nos cenários que vemos na tela mesmo.

Pela planta a gente vê que o interessante do apartamento de Carrie, é que você dá uma volta completa nele, passando por todos os cômodos uma vez só. Por isso a importância de se ter duas portas no banheiro?!rs Na verdade, as duas portas possibilitam usar o banheiro de duas formas: como suíte pro seu quarto ou como lavabo para convidados. É só fechar uma das portas e pronto!

vivitblog-post129-in-da-house-o-apartamento-de-carrie-bradshaw-01

Logo na entrada, um aparador com o telefone, alguns quadros apoiados (que eu adoro usar nas produções de interiores também) e um abajur. Aliás, abajures e luminárias são super importantes num projeto de interiores. Eles criam ‘cenas’ e deixam os ambientes muito mais aconchegantes. Logo a frente, uma estante para guardar livros e revistas catalogadas (talvez ela não seja tão bagunceira assim) e um banco, para apoiar casacos, bolsas e mesmo revistas.

Do outro lado, a cozinha é emoldurada por dois nichos, com mais prateleiras para livros, luminarias e até uma bancadinha de leitura. Pouquíssimo utilizado pra sua finalidade, que é preparar os alimentos, o espaço tem tamanho confortável e é todo nesse tom amarelinho, que dá um ar antigo aos armários. A iluminação que vem do armário superior e ilumina a bancada é o ponto alto do ambiente.

Na sala, a maioria dos móveis são em madeira com ar cinquentinha. Poltronas e chaise estofadas em tecido e banquinhos com assento em palha, além da escrivaninha, de onde Carrie escrevia sua coluna semanal para o fictício jornal The New York Star, de frente para uma janela com cortinas listradas.

vivitblog-post129-in-da-house-o-apartamento-de-carrie-bradshaw-02

O quarto fica totalmente integrado com a sala. Tapete listrado no pé da cama, penteadeira de um lado e cômoda do outro. A cabeceira foi feita com um grande aparador atrás da cama, que abriga mais livros e peças de decoração e serve como criado-mudo com abajur de um dos lados. Do outro, uma cadeira faz as vezes de criado, onde Carrie coloca o telefone retrô.

Até aqui, todo apartamento é pintado num tom bem claro de verde, até entrarmos no tão desejado walk-in-closet dos sonhos todo em cinza-azulado?! Se o espaço tivesse armários e pintura branca, com certeza não daria o mesmo destaque às roupas e foi por isso que Jeremy Conway, o criador de todos os cenários da serie, escolheu esse tom. E você, já pensou em ousar na cor dos seus armários? O resultado pode ser super interessante, hein.

Passando pela seleção de roupas mais lindas de todos os tempos, chegamos no banheiro. Bem ‘americano’, diga-se de passagem, com pastilha no piso, revestimento assentado em amarração nas paredes, lavatório de coluna antigo e banheira com cortina. Nada moderno, mas é charmoso e tem tudo a ver com o apartamento.

Quem ficou morrendo de saudades da serie, vendo essas fotos, levanta a mão! E agora que já mostramos os apartamentos de Charlotte, Samantha, Miranda e, finalmente, Carrie, qual o seu preferido?! Conta aqui pra mim!

Espero que tenham gostado dos posts, tanto quanto eu gostei de fazê-los! Beijo, outro, tchau!